ALOE ZANZIBARICA




ALOE ZANZIBARICA
Origem: África
É um gênero botânico pertencente à família Aloaceae.

Como o próprio nome sugere, esta espécie de Aloe, origina do clima seco de Zanzibar, uma pequena ilha ao largo da costa da Tanzânia.

Produzem mudas de lateral ou filhotes ao longo do tempo para formar colônias. Às vezes, o ponto de ligação inicial à planta-mãe apodrece e os filhotes se tornam independentes para iniciar o processo novamente. Suas pequenas folhas carnudas e ligeiramente dentadas, são verde limão com manchas brancas irregulares nas bordas e superfície, o que dá à elas uma textura única. Em pleno sol a folhagem pode atingir uma tonalidade acastanhada.

Podem florescer na primavera. Cada roseta produz uma haste sem folhas, com flores tubulares de um vermelho brilhante. Eles são excelentes atrativos para os pássaros e abelhas. No sudoeste da América do Norte eles vão mesmo atrair beija-flores.

São amantes de sol e adaptadas a solos bem drenados de calcário. Tipicamente cultivadas em vasos, mas também crescem bem em jardins com solo naturalmente rochoso ou arenoso. Quando o seu crescimento torna-se demasiado, basta podá-la em volta para que a planta central crie forças para formar mais rosetas.